I'M IN LOVE WITH ROSEGAL



1 - here // 2 - here // 3 - here // 4 - here // 5 - here // 6 - here // 
7 - here // 8 - here // 9 - here // 10 - here

Conheci recentemente a Rosegal e depois de espreitar o site, não pude deixar de escolher algumas coisas que vão ficar tão bem cá em casa. Tenho andado a pensar em aumentar a minha colecção de pincéis e achei que esta seria a oportunidade ideal - ou os preços ideais! - para mandar vir alguns. Por curiosidade, decidi encomendar réplicas da Real Techniques, especialmente por ter alguns pincéis da marca. Penso que será interessante fazer a comparação entre ambos. Vêm também a caminho dois pincéis escova, que estou ansiosa por experimentar. 


MAGIA NA HORA DE DESMAQUILHAR


Espero sinceramente não vos estar a dar uma novidade e que já tenham descoberto as maravilhas desta menina. Pessoalmente, andava muito reticente em experimentar por ter pele mista - sendo obviamente a zona t a mais problemática - mas, qual foi a surpresa quando percebi que a minha pele nunca tinha reagido tão bem a um desmaquilhante.  

DEAR MICHAEL, MY HEART CAN'T TAKE IT


Para quem devorava Project Runway como eu, o nome Michael Costello não é novidade. Lembro-me perfeitamente de estar a torcer por ele na oitava temporada, especialmente pela compreensão que ele tinha do corpo feminino. A cada desafio, eu só queria cada conjunto dele em minha casa. Hoje em dia, já namoro as suas criações maravilhosas que desfilam na fashion week.

NYX SOFT MATTE LIP CREAM COPENHAGEN


A primeira loja da NYX em Portugal abriu no Almada Fórum recentemente e já é um sucesso. Apesar de ainda não ter tido oportunidade de a explorar - está quaseee! - a minha mãe mimou-me com um batom quando veio à ilha. Como ela conhece os meus gostos como ninguém, trouxe-me um soft matte lip cream, na cor copenhagen; um tom de vinho muito rico que me deixou apaixonada. 

5 CONSELHOS PARA COMER MELHOR


Sempre fui a favor da alimentação saudável, mas a verdade é que quando saí de casa dos meus pais, tornou-se muito mais difícil conseguir comer bem. Tudo complicava - ou era o horário de trabalho que não me permitia fazer refeições a horas certas, ou o tempo que tinha que não me permitia cozinhar em antemão, ou o facto de trabalhar num centro comercial cujas opções na área de restauração eram tudo menos saudáveis... Tudo desculpas, portanto. Foi um caos orientar a minha vida para começar a andar com marmitas e tupperwares atrás, mas hoje isso é uma realidade. Óbvio que ainda tenho deslizes aos pontapés - um shout out para os jantares com os amigos! - mas, na maioria, tento fazer um esforço para me preocupar com o que ingiro. Temos todos de começar por algum lado e, se essa é a vossa vontade aconselho-vos a ler estes cinco conselhos que vos deixo.