domingo, 28 de fevereiro de 2021

Os melhores primers para pele oleosa

melhores primers para pele oleosa

Não costumo falar com muita frequência sobre o meu percurso como maquilhadora, mas a verdade é que exerci durante cerca de dois anos e foi uma das experiências em que mais aprendi no meu percurso profissional. Poder contactar com diferentes tipos de peles, perceber como é que os diferentes produtos funcionavam e, acima de tudo, compreender o que era ou não útil para cada uma das minhas clientes era um processo interessantíssimo e uma das coisas que me fez interessar-me tanto por skincare. Mas não é sobre isso que quero abordar hoje. Hoje quero falar-vos de primers - aliás, dos melhores primers para pele oleosa.


Nas minhas formações, um dos pontos que era destacado com frequência era o primer. Neste caso, a sua importância para proteger a pele do contacto direto com a base, algo que nos dias de hoje chega a torna-se inclusive obsoleto. Atualmente, as bases chegam até a ter ingredientes capazes de cuidar da pele e, desde que a fórmula seja escolhida tendo em conta as características da pele e que esta seja bem retirada, não há qualquer problema na colocação da base diretamente na pele. Isto desde que sejam utilizados os cuidados de pele adequados antes, obviamente; estes sim, não podem ser dispensados.


"Mas, assim sendo, porque é que devo usar primer?"


O primer, de uma forma geral, ajuda a aumentar a durabilidade da maquilhagem. Funciona quase como o primário branco numa tela de cor, preparando a pele para a base. Obviamente que esta comparação em nada é relacionada à cor propriamente dita, mas é sim relacionada com o estado da pele - e é por isso que é tão importante para maquilhadores.

Sendo que os profissionais não podem controlar nem conhecer ao detalhe a rotina de pele dos seus clientes, o primer dá-lhes a possibilidade de oferecerem momentaneamente à tez aquilo que ela precisa, de forma a assim conseguir uma maquilhagem mais bonita e duradoura. O mesmo se aplica à nossa própria maquilhagem: o primer ajuda-nos quase a equilibrar a nossa tela, para que possamos oferecer-lhe um acabamento ainda mais bonito. 

Existem vários tipos de primer: primers hidratantes, primers iluminadores, primers matificantes, primers com um efeito blur, primers com cor... A lista é vasta e vale a pena ser explorada. Tendo em conta o resultado que pretendemos para a nossa pele, vai com certeza existir um primer capaz de nos auxiliar a atingir o resultado que queremos. 


Mas isso significa que tenho mesmo de usar primer?


Não. A necessidade de usar primer está relacionada o resultado que pretendemos obter. Por exemplo, se pretendermos realmente que a maquilhagem dure o dia todo, sim o primer é essencial. Se pretendermos disfarçar os nossos poros e ser mais eficazes no controlo da nossa oleosidade, o primer é essencial. Se pretendermos um resultado mais descontraído, talvez um spray fixador faça o trabalho. Como sempre, tudo depende do resultado que queiramos.

Por exemplo, uma pele seca que esteja bem cuidada beneficiará mais com um óleo antes da base do que de um primer. Ou de um bom creme, como o creme Embryolisse. Ambos permitirão que a pele se mantenha mais confortável e ajudarão tanto na aplicação da base como no acabamento final. 

Ainda assim, isto não significa que não existam primers hidratantes que façam um excelente trabalho. Mesmo com uma boa preparação de pele, continuam a ser excelentes adições e a conseguir que o efeito final fique ainda mais bonito e seja ainda mais duradouro. Simplesmente o que quero reforçar aqui é este passo não é obrigatório, mas que a sua utilização traz benefícios.


Mas então porquê os melhores primers para pele oleosa?


A pele oleosa é uma pele com necessidades muito específicas e, muitas vezes, difícil de maquilhar. Se não utilizarmos os produtos certos, acabamos facilmente sem maquilhagem ao final do dia. O primer para pele oleosa é quase um holy grail. Especialmente para quem tem pele muito oleosa, os primers matificantes ajudam a evitar o aparecimento de brilhos e, na maioria das vezes, a reduzir a aparência dos poros, cujo diâmetro tende a ser maior neste tipo de pele. 


Os melhores primers para pele oleosa

Seria praticamente possível iniciar esta lista de melhores primers para pele oleosa sem abordar o Porefessional da Benefit. Este é um dos meus primers favoritos e, apesar de dispendioso, cumpre com toda a eficiência o que promete. É realmente capaz de ajudar a matificar peles mais oleosas e preenche visivelmente os poros, dando à pele um efeito mais liso e uniforme. O bom da gama Porefessional é que já existe uma larga gama de opções, pelo que é possível escolher este primer numa versão perolada ou hidratante. A versão tradicional é a única que pretende matificar a pele. 

Se, no entanto, não quisermos dar o investimento deixo uma excelente alternativa: o Infaillible Mattifying Base. Este primer da L'Óreal é muito similar ao meu querido Baby Skin (outro grande favorito para peles mistas!), contudo creio que funciona ainda melhor para matificar a pele. Ou seja, além de novamente ter a capacidade de preencher a pele, ajuda ainda a controlar a oleosidade. Novamente tem um toque siliconado, ligeiramente mais fino, mas igualmente muito fácil de aplicar.

melhores primers para pele olesa notino
Da esquerda para a direita: Shine Killer Nyx | Photo Finish Minimizing Pore Smashbox | Infallible Mattifying Primer L'Óreal | L'Essentiel Primer Guerlain | Porefessional Benefit


Tenho também de referir outros dois grandes favoritos, ainda que recentes: o primer L'Essentiel da Guerlain, que comecei a utilizar recentemente e que sinto que já está a destacar-se (mas vai ter uma review própria) e o Smashbox Pore Minimizing Primer, que ainda que sinta que não é especialmente eficaz a matificar, é incrível para uma pele mais lisa (que é aquilo que efetivamente promete). O Shine Killer da Nyx também é outra excelente opção para quem procura algo mais económico e seria impossível deixá-lo de fora desta lista.

Nota: todos estes primers com um toque mais siliconado devem ser aplicados em pouca quantidade, caso contrário podem esfarelar. Além disso, funcionam ainda melhor quando levemente aquecidos com os dedos antes de aplicados, ou seja, deves colocar uma pequena porção de produto entre os dedos e massajar o produto para que o mesmo aqueça levemente com o calor das mãos antes de aplicá-lo no rosto. 


Estes são, sem dúvida, os melhores primers para pele oleosa que já experimentei e que para mim merecem todo o destaque. Partilhem comigo nos comentários quais são os vossos primers favoritos para pele oleosa!

Publicar um comentário

Fico genuinamente muito grata pelo tempo perdido a escrever cada comentário. Movem-me, sempre, a querer oferecer mais e melhor conteúdo a cada dia! Para uma resposta mais rápida, por favor, recomendo o e-mail thepinkelephantshoe@gmail ou uma DM pelo instagram. Novamente, obrigada <3