domingo, 18 de outubro de 2020 Portugal

Review Base Shiseido Synchro Skin Self Refreshing


base shiseido synchro self refreshing

Com uma das tecnologias mais inovadoras do mercado, a Shiseido Synchro Skin Self Refreshing promete adaptar-se à nossa pele, proporcionando à nossa tez uma sensação constante de hidratação. Como fã de fórmulas hidratantes, não podia deixar de colocar a testes esta fórmula e de partilhar tudo convosco. Esta é a minha experiência com a Synchro Skin após praticamente duas semanas de utilização contínua.


As características da base Shiseido Synchro Skin Self Refreshing

Considerações da marca

A Shiseido Synchro Skin Self Refreshing trata-se da "primeira base Shiseido que se auto-refresca com a tecnologia Active Force", uma tecnologia patenteada pela marca. Esta caraterística faz com que a base se adapte à nossa pele e consequentemente aos seus níveis de oleosidade e calor, aos movimentos faciais e às mudanças do ambiente, possibilitando que a mesma esteja sempre com um aspeto acabado de aplicar. Promete uma duração até 24 horas, com um acabamento leve e respirável. Possui uma cobertura média e construível, com um acabamento natural e fresco. A sua fórmula possui SPF 30, é livre de óleos, à prova de água, não comedogénica e pode ser utilizada por todos os tipos de pele.


Oferta de tons

Está disponível em trinta tons, numa oferta de considero inclusiva. Estes tons dividem-se em cinco famílias: fair, light, medium, tan e deep, de modo a facilitar no momento da escolha. O tom que optei por adquirir foi o 130 Opal. Achei não ter sentido dificuldade no momento da escolha - fiz a compra online - no entanto adquiri um tom ligeiramente mais claro do que expectava. Felizmente, funde-se muito bem no meu tom de pele e será, com certeza, uma boa cor de Inverno. É uma base que não oxida na minha pele.


Embalagem

De vidro fosco, a Shiseido Synchro Skin Self Resfreshing possui o design minimalista e sofisticado, tão característico da marca. No topo da embalagem, destaco o logo da marca, novamente reforçando o luxo associado à mesma. É ainda de referir que a sua embalagem possui um pump embutido, que tranca para evitar possíveis derrames. O pump trata-se obviamente de uma clara vantagem, que permite mais higiene na utilização do produto. É ainda de referir que, em muitas marcas de luxo, é necessário adquirir o pump à parte, o que obviamente só acrescenta mais valor à Synchro Skin


review base shiseido


Fragrância

A Shiseido Synchro Skin Self Refreshing não tem fragrância.


Proteção Solar

A Shiseido Synchro Skin Self Refreshing tem SPF 30, um fator de proteção satisfatório para o quotidiano. Contudo, é importante reter que não aplicamos quantidade suficiente de base para usufruir da proteção proporcionada pela mesma e isto é transversal a qualquer base com SPF. Portanto, idealmente, qualquer base, mesmo que mencione um fator de proteção, deve ser conjugada com um protetor solar propriamente dito.


Onde comprar

Podem adquirir a base em perfumarias selecionadas, contudo recomendo o excelente preço da Notino. Esta semana, por exemplo, podem adquiri-la por 39,20€.


Ingredientes

ACTIVE INGREDIENTS: Purpose OCTINOXATE 4.9% ・・・・・ Sunscreen TITANIUM DIOXIDE 5.8% ・・・・・ Sunscreen INACTIVE INGREDIENTS:DIMETHICONE・WATER・GLYCERIN・TRIFLUOROPROPYLDIMETHYL/TRIMETHYLSILOXYSILICATE・PEG-10 DIMETHICONE・BUTYLENE GLYCOL・PHENYL TRIMETHICONE・DIMETHICONE CROSSPOLYMER・BIS-BUTYLDIMETHICONE POLYGLYCERYL-3・SORBITAN SESQUIISOSTEARATE・ISOPROPYL MYRISTATE・DIMETHICONE/VINYL DIMETHICONE CROSSPOLYMER・NACRE POWDER・MAGNESIUM ALUMINOMETASILICATE・POLYQUATERNIUM-51・THYMUS SERPYLLUM EXTRACT・SODIUM ACETYLATED HYALURONATE・ALUMINUM HYDROXIDE・STEARIC ACID・CYCLOPENTASILOXANE・DISTEARDIMONIUM HECTORITE・POLYMETHYLSILSESQUIOXANE・POLYSILICONE-2・TRIMETHYLSILOXYSILYLCARBAMOYL PULLULAN・LITHIUM MAGNESIUM SODIUM SILICATE・PEG/PPG-19/19 DIMETHICONE・CITRIC ACID・SODIUM CITRATE・BHT・SILICA・TOCOPHEROL・PHENOXYETHANOL・TITANIUM DIOXIDE・IRON OXIDES・MICA・


A minha experiência com a Shiseido Syncro Skin Self Refreshing Foundation

Textura e consistência

A Shiseido Synchro Skin Self Refreshing Foundation possuo uma consistência muito fluída e um toque quase sedoso. Bases mais fluídas tendem a ter um acabamento mais hidratante e proporcionar mais luz à pele.


Acabamento e cobertura

A Shiseido Synchro Skin Self Refreshing possui uma cobertura média e construível. Após aplicar uma camada de produto no rosto, consigo ver levemente algumas das minhas marcas, contudo o tom fica completamente uniforme e a pele fica automaticamente aperfeiçoada. Caso queira uma maior cobertura, é muito fácil construir uma camada adicional de produto. A pele não fica de todo pesada e só noto realmente uma densidade excessiva após a terceira camada de produto. 


Relativamente ao acabamento, a marca descreve-o como um acabamento fresco e natural. Adiciono ainda que a base possui uma leve luz natural, pela sua fórmula hidratante. No entanto, não é de todo suficiente para me fazer sentir que peles oleosas não vão gostar desta base. 


base shiseido synchro skin self refreshing


Aplicação

Pessoalmente, prefiro aplicar a Shiseido Synchro Skin Self Resfreshing Foundation com um pincel. Adoro utilizar o Sigma E87 Edge Kabuki e o 101 da Argent Makeup, no entanto creio que qualquer pincel de topo recto seja efetivamente a melhor opção para a aplicação desta base. Uma esponja de maquilhagem funciona igualmente bem, no entanto, sinto que de alguma forma consigo fundir melhor a base na pele com a ajuda de um pincel. O efeito fica ainda mais natural e bonito. No entanto, é importante mencionar que sinto que com uma esponja de maquilhagem consigo uma cobertura ligeiramente superior. É também mais fácil construir camadas com a esponja, sem mover o produto, conseguindo ainda um acabamento mais aperfeiçoado.


A base deve ser agitada antes de utilizar. Segundo as recomendações da marca, devemos inclinar ligeiramente a embalagem para dispensar o produto e aplicar a base numa camada uniforme, a partir do centro do rosto. A Shiseido refere também que o produto deve ser aplicado em camadas, caso queiramos uma maior cobertura. No meu caso, gosto de aplicar a base por secções. Aplico a base numa determinada secção do meu rosto, fundo-a com a pele e assim sucessivamente até ter completado todo o rosto. Como é uma base fluída e hidratante, não exige que a trabalhe rapidamente, permitindo que possa optar por este método de aplicação por secções que faz com que consiga controlar muito mais facilmente o produto. 


É também importante referir que, para melhores resultados com a Shiseido Synchro Skin Self Refreshing, o ideal é finalizar o rosto com um pó fino. Ao utilizarmos um pó muito pesado, estamos a perder a característica do acabamento luminoso e hidratante da própria base. Ainda que fique igualmente bonita, fica notoriamente mais pesada e pode assentar ao longo do dia no rosto - algo que não acontece ao optarmos por um pó mais fino. Adoro utilizar a Synchro Skin com o Guerlain Parure Gold Setting Powder. Para mim, é a combinação perfeita! É também uma base que, quando selada, não transfere de todo.


embalagem shiseido synchro skin self refreshing


Duração e utilização

Devido ao momento atípico em que vivemos, fiz a maior parte dos testes de durabilidade da Shiseido Synchro Skin Self Refreshing dentro de casa. Cheguei, inclusive, a utilizá-la durante doze horas e confesso que estou rendida. Como referi acima, esta fórmula foi desenvolvida com a tecnologia Active Force, possibilitando que a base se sincronize com a pele, ajudando a resistir ao calor, à oleosidade e aos movimentos faciais, e permitindo que a mesma se mantenha sempre com um aspeto "fresco", como que acabado de aplicar. Com as conjugações certas de produto, a Synchro Skin fica muito bonita durante todo o dia! 


Deixo apenas algumas considerações sobre a experiência de utilização que podem ser pertinentes. Ao final de oito horas, noto levemente a oleosidade da minha zona T a transparecer. Contudo, a base não parte de forma alguma, apenas desvanece ligeiramente. Sinto também que a Synchro Skin realça levemente a textura da minha pele mas minhas zonas mais secas. Novamente, reparo nisto após algumas horas de utilização no entanto, isto é especialmente fácil de resolver. Com esfoliação regular e um bom hidratante, consigo que o acabamento fique lindíssimo durante horas de utilização. Noto que realmente é uma das fórmulas da minha coleção que se destaca claramente faça às restantes. A pele mantém-se bonita, natural, fresca e com uma leve luz. 


Veredito final

Sinto que encontrei uma das minhas bases favoritas. É uma base muito confortável de utilizar, que deixa a pele com um aspeto sempre fresco, quando bem combinada. Adoro a forma como deixa a tez uniformizada e aperfeiçoada, sem pesar e, acima de tudo, sem promover um efeito muito artificial. Ainda assim, é uma base versátil o suficiente para chegar a uma cobertura mais intensa, se assim o desejar. Sem dúvida que o fato de realçar a textura ligeiramente é uma desvantagem, o que me faz crer que talvez não seja a melhor escolha para uma pele com muitas imperfeições (apesar da fórmula não comedogénica).

Sei que é uma base dispendiosa, mas mais uma vez, posso mencionar que foi um excelente investimento. Creio que é neste campo que as bases de marcas de luxo vencem: ao proporcionar um aspeto de pele; da nossa pele, mas melhor. Parece-me ser também uma base indicada para a maioria das peles, até para quem tem pele oleosa, desde que efetivamente goste de um acabamento mais hidratante. Recomendo muito! Já conheciam a Shiseido Synchro Self Refreshing Foundation

Publicar um comentário

Fico genuinamente muito grata pelo tempo perdido a escrever cada comentário. Movem-me, sempre, a querer oferecer mais e melhor conteúdo a cada dia! Para uma resposta mais rápida, por favor, recomendo o e-mail thepinkelephantshoe@gmail ou uma DM pelo instagram. Novamente, obrigada <3